Dedos

agua-em-pedra2E a água escorre pela pedra como dedos na minha pele. Desejos proibidos de um amor impossível. Quis eu que fosses tu que me percorresses o corpo assim, em cascata de devaneios doces de um amor completo. Deixava-me ir na tua corrente, na tua seiva como a seiva da terra escorre pela pedra.

Ah não fosse impossível, e beberia de ti esse doce elixir da vida…

Anúncios

16 responses to “Dedos

  • MiquellinaLasciva

    Como sempre…adoro ler o que escreves, porque a tua escrita tem aquela caracteristica, que ao lermos parece que nos é directamente dirigida a palavra!!!

    E como tal…vem…eu deixo-te beber em mim…

  • John Doe

    Ai Miquellina, pudesse eu beber, pudesse eu sentir, pudesse eu amar…

    E sim, escrevo dirigido a quem lê.

    Pudesse a escrita despertar o amor…

  • MiquellinaLasciva

    Ó Jonh!!! E não bebes? E não sentes?? E não amas??

    E a escrita pode despertar o amor…o meu pelo menos fica desperto!!

  • John Doe

    Não Miquellina, não bebo, não sinto e não…

    Se a escrita pudesse despertar o amor, seria eu um dos homens mais felizes. Mas não desperta. Desperta apenas a simpatia, o querer momentâneo, a descoberta do imediato. Já não desejo mais, já não me é permitido desejar mais…

  • MiquellinaLasciva

    Manias…e o querer momentaneo é mau? A simpatia? O imediato?? Podes desejar o que quiseres…e viver algures num mundo só teu…ter um harem de moças bonitas e virtuosas que te amam e sugam a alma até ao tutano…(esta coisa do tutano soou a filme para adultos)! Podemos ser o que quisermos…nem que seja nos nossos sonhos!!

  • John Doe

    E chega sonhar?

  • MiquellinaLasciva

    Não chega…mas torna a realidade menos dura…e dura…nem sei bem o que me lembra….

  • John Doe

    Pergunto eu se o acordar de um sonho não endurece mais ainda a realidade, seja ela qual for…

  • MiquellinaLasciva

    Há realidades que são sonhos…lindos, e nestes quando temos de acordar é que dói, uma dor dilacerante, como se parte de nós nos fosse arrancada voluntariamente…e ficasse apenas o buraco, que só tu consegues ver!!! E aí sofres e apetece-te desistir…

    Podemos falar de sexo??? Estou a ficar Blue!!!

  • John Doe

    Sofro e apetece desistir. Talvez já o tenha feito…

    Sexo? Podemos pois…

  • MiquellinaLasciva

    E quem não o fez…que atire a primeira pedra…

    P(h)odemos pois…soa-me tão lascivo…

  • John Doe

    Não sei quem não o fez. Sei quem o fez, quase de certeza…

    Lascivo, libidinoso,a luxuria que se apodera dos corpos que vibram de expectativa dos prazer carnais…

  • MiquellinaLasciva

    E o prazer carnal vale de alguma coisa sem o sentimento inerente???

  • John Doe

    Pouco ou nada…

  • Sininho

    Deixo-lhe “Teardop”

  • John Doe

    Obrigado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: