Hoje…

… foi um dia difícil de sobreviver.

Anúncios

4 responses to “Hoje…

  • Teresa

    Esteve um dia escuro, antracite, carregado de um bruá ao longe de uma tormenta que não desabou em prantos de chuva, que se conteve num ensurdecedor mudo, que se sentia prestes a descambar. Não ribombou, mas a electicidade sentia-se nos nervos.
    Talvez também por ti. Talvez partilhasse a tua carga, a dividisse contigo.

    Talvez ao passar do dia que se sobrevive a custo, se valorize a razão de um renascer ou de um despertar. “Os partos são difíceis, ainda bem que não nos recordamos do nosso porque não sobreviveríamos ao trauma”… mas é assim o princípio de um respirar, às vezes implica um choro abrupto, sacudido a palmada, mas é ele o momento que permite amanhãs.

    Um beijo Francisco, até amanhã.

  • Francisco

    Obrigado Teresa. Agradeço-te imenso toda essa força que sinto necessitar.

  • nicole

    Mas conseguiste, e isso é que interessa! Foste forte o suficiente para ultrapassar o difícil.

  • Francisco

    Consegui realmente. Mas mais uma vez sobrevivi. Pergunto-me quando chega o viver…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: