Histórias

Apetece-me começar com um “Era uma vez…” em jeito de história fabulosa, daquelas com que se faz sonhar as crianças pequeninas, de castelos e princesas, dragões e cavaleiros, da fada boa que tem a varinha de condão. A minha história começa na primeira letra que te li.

História que me embala, que me faz levitar até ao sétimo céu, em que cada novo dia traz uma nova página colorida, como se a mão de uma criança pegasse num lápis de cera e desenha-se sem se importar com o sair do risco, em traços grossos e generosos.

E o “Era uma vez…” transforma-se num “hoje”, num sonho de um “amanhã”. Era uma vez uma fada que com o tempo se revelou uma bela mulher, mas os poderes de fazer voar permaneceram. Tem mãos de mulher com toque de ouro e  um sorriso que lança pó de encantar.

E eu gosto tanto dessa minha fada, dessa princesa que do alto do seu torreão me acena com lenços de linho níveo.

Anúncios

7 responses to “Histórias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: