Palavras

Não há palavras suficientes para ti.

Nunca houve.

Com o passar do tempo e com cada novo momento contigo, as poucas que se aproximam escasseiam ainda mais. Não chega dizer que és bonita, não chega chamar-te de fada, universo, arte, musa, doce, amor ou qualquer outra. Pura e simplesmente não chega. Há tanto em ti, há tesouros imensos, alguns que creio nunca viram a luz do dia. E se alguma arte tenho, é de palavras conhecidas e gastas.

Queria conseguir inventar novas palavras, grandiosas e eloquentes e nada me sai. Sai-me o teu nome, que digo de coração nas mãos e alma ao alto. Gostava de te conseguir dizer palavras bonitas e doces na proporção do que és e saem-me pequenas sílabas que comparadas pouco significam.

Adoro-te meu anjo.

Anúncios

2 responses to “Palavras

  • Princesa Canela

    🙂 Como é que ela aguenta sem se desfazer em lágrimas (das doces) a cada palavra tua, a cada palavra que te falta? Lindo, lindo…

  • Teresa

    Francisco,
    Ela seguramente entrega-se derretida no chão em mel, foi alimentada a seiva e banhada a polen. Ela pulsa e vive cada sopro e letra que lhe toca e tatua a pele, lateja nas têmporas ecoando em sons e retidas em imagem dias a fio amplificadas, esculpidas e drenadas à sua última gota ,delas e de si mesma.
    Estou segura que as tuas palavras são assim. Grandes, Belíssimas, Sublimes.

    Tão bonito que és.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: