Beijo-te

Nesta noite que corre no seu vagar, morna como a tua pele, sonho-te de olhos bem abertos. Pinto-te mais uma vez, que são tantas, em pinceladas de uma suavidade que é estonteante, que me deixa sem ar e, mesmo assim, não consigo descansar enquanto a obra não se acabar.

Pinto-te em traços doces, em que as minhas mãos servem de olhos por onde passam, onde sinto cada pedaço do teu ser.

Sonho que faço desaparecer cada pedaço de textura que me afasta do tépido da tua epiderme, arranco de mim em urgência as minhas e sinto-te no abraço que conseguimos moldar a parecer unos. Sonho que te lanço as mãos abaixo dos teus ombros e te levanto em peso, deixando-te o peito à mercê dos meus lábios, que beijo em delicadeza sentindo o rufar do teu coração nos lábios que te tocam. Desço-te no resvalar electrizante dos corpos e sinto-te com a tua cabeça pende em direcção à minha, com o teu cabelo tapando-nos do mundo exterior, transportando-nos ao espaço que não pertence a mais ninguém. Sinto-te os olhos fechados, que os meus também estão e delicio-me com o colar do teu lábio superior no tocar do meu nariz. Sinto-te as mãos que se seguram nos meus ombros quando finalmente as bocas se aproximam e se beijam num toque suave e seco que precede aquele instante em que se sente o respiro quente em que as bocas se entreabrem e se unem num beijo demorado e terno.

Sinto-o como se estivesses aqui, bem junto a mim, transformando mais um sonho na realidade tão desejada.

Escrito ao som de Brandon Flowers

Anúncios

6 responses to “Beijo-te

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: